Product Documentation

Adição de um aplicativo empresarial ao XenMobile

Oct 06, 2016

Os aplicativos empresariais no XenMobile representam aplicativos nativos que não são preparados com o MDX Toolkit e não contêm as políticas associadas a aplicativos do MDX. Você pode carregar um aplicativo empresarial na guia Aplicativos no console XenMobile. Os aplicativos empresariais são compatíveis com as seguintes plataformas (e tipos de arquivo correspondentes):

  • iOS (arquivo .ipa)
  • Android (arquivo .apk)
  • Samsung KNOX (arquivo. apk)
  • Android for Work (arquivo. apk)
  • Windows Phone (arquivo. xap ou .appx)
  • Tablet Windows (arquivo .appx)
  • Windows Mobile/CE (arquivo .cab)

1. No console XenMobile, clique em Configurar > Aplicativos. A página Aplicativos é exibida.

2. Clique em Adicionar. A caixa de diálogo Adicionar Aplicativo é exibida.

localized image

3. Clique em Empresarial. A página Informações do aplicativo é exibida.

localized image

4. No painel Informações do Aplicativo, digite as seguintes informações:

  • Nome: digite um nome descritivo para o aplicativo. Ele é listado em Nome do aplicativo na tabela Aplicativos.
  • Descrição: digite uma descrição opcional para o aplicativo.
  • Categoria do aplicativo: opcionalmente, na lista, clique na categoria à qual você deseja adicionar o aplicativo. Para obter mais informações sobre categorias de aplicativo, consulte Criando categorias de aplicativo no XenMobile.

5. Clique em Avançar. A página Plataformas é exibida.

6. Em Plataformas, selecione as plataformas que você desejar adicionar. Se você estiver configurando somente para uma única plataforma, desmarque as outras.

Quando você terminar de definir as configurações de uma plataforma, consulte a Etapa 10 para saber como definir as regras de implantação dessa plataforma.

7. Para cada plataforma que você selecionou, selecione o arquivo a ser carregado clicando em Procurar e navegando até a localização do arquivo.

8. Clique em Avançar. A página de informações do aplicativo da plataforma é exibida.

9. Defina as configurações do tipo de plataforma, como:

  • Nome do arquivo: opcionalmente, digite um novo nome para o aplicativo.
  • Descrição do aplicativo: opcionalmente, digite uma nova descrição para o aplicativo.
  • Versão do aplicativo: você não pode alterar esse campo.
  • Versão do SO mínima:
  • Versão do SO máxima:
  • Dispositivos excluídos:
  • Remover aplicativo se o perfil MDM for removido: selecione se o aplicativo deve ser removido de um dispositivo quando o perfil MDM é removido. O padrão é I.
  • Evitar o backup de dados do aplicativo: selecione se o aplicativo deve ser impedido de realizar o backup de dados. O padrão é I.
  • Forçar aplicativo a ser gerenciado: se você estiver instalando um aplicativo não gerenciado, selecione I se desejar que os usuários em dispositivos não supervisionados sejam solicitados a permitir o gerenciamento do aplicativo. Se eles aceitarem a solicitação, o aplicativo é gerenciado. Essa configuração se aplica aos dispositivos iOS 9.x.  
10. Configure as regras de implantação

11. Expanda Configuração da Worx Store.

localized image

Opcionalmente, você pode adicionar ao aplicativo perguntas frequentes ou capturas de tela que são exibidas no Worx Store. Você também pode definir se os usuários podem classificar ou comentar no aplicativo.

  • Defina estas configurações:
    • Perguntas frequentes sobre o aplicativo: adicionar perguntas frequentes e respostas para o aplicativo.
    • Instantâneos do aplicativo: adicione capturas de tela para ajudar a classificar o aplicativo no WorxStore. O gráfico que você carregar deve ser um PNG. Você não pode carregar uma imagem GIF ou JPEG.
    • Permitir classificações do aplicativo: selecione se um usuário tem permissão para classificar o aplicativo. O padrão é I.
    • Permitir comentários do aplicativo: selecione se os usuários têm permissão para comentar sobre o aplicativo selecionado. O padrão é I.

12. Clique em Avançar. A página Aprovações é exibida.

Use fluxos de trabalho quando precisar de aprovação ao criar contas de usuário. Se você não precisar configurar fluxos de trabalho de aprovação, poderá pular para a Etapa 13.

Configure esta definição se você precisar atribuir ou criar um fluxo de trabalho:

  • Fluxo de trabalho a ser usado: na lista, clique em um fluxo de trabalho existente ou clique em Criar um novo fluxo de trabalho. O padrão é Nenhum.
  • Se você selecionar a opção Criar um novo fluxo de trabalho, defina estas configurações:
    • Nome: digite um nome exclusivo para o fluxo de trabalho.
    • Descrição: opcionalmente, digite uma descrição para o fluxo de trabalho.
    • Modelos de aprovação de email: na lista, selecione o modelo de aprovação de email a ser atribuído. Quando você clica no ícone de olho à direita desse campo, é exibida uma caixa de diálogo na qual você pode visualizar o modelo.
    • Níveis de aprovação do gerente: na lista, selecione o número de níveis de aprovação do gerente necessários para esse fluxo de trabalho. O padrão é 1 nível. As opções possíveis são:
      • Não é Necessário
      • 1 nível
      • 2 níveis
      • 3 níveis
    • Selecionar domínio do Active Directory: na lista, selecione o domínio do Active Directory adequado a ser usado para o fluxo de trabalho.
    • Encontrar aprovadores necessários adicionais: digite o nome da pessoa adicional necessária no campo de pesquisa e clique em Pesquisar. Os nomes são originários do Active Directory.
    • Quando o nome da pessoa for exibido no campo, marque a caixa de seleção ao lado do respectivo nome. O nome e o endereço de email da pessoa são exibidos na lista Aprovadores necessários adicionais selecionados.
      • Para remover uma pessoa da lista Aprovadores necessários adicionais selecionados, você pode optar por um dos seguintes procedimentos:
        • Clique em Pesquisar para ver uma lista de todas as pessoas do domínio selecionado.
        • Digite um nome parcial ou completo na caixa Pesquisar e clique em Pesquisar para limitar os resultados da pesquisa.
        • As pessoas da lista Aprovadores necessários adicionais selecionados têm marcas de seleção ao lado do respectivo nome na lista de resultados de pesquisa. Percorra a lista e desmarque a caixa de seleção ao lado de cada nome que você desejar remover.

13. Clique em Avançar. A página Atribuição do grupo de entrega é exibida.

14. Ao lado de Escolher grupos de entrega, digite para localizar um grupo de entrega ou selecione na lista um grupo ou grupos aos quais você deseja atribuir o aplicativo. Os grupos que você selecionar aparecerão na lista Grupos de entrega que receberão a atribuição de aplicativos.

15. Expanda Cronograma de implantação e defina estas configurações:

  • Ao lado de Implantar, clique em I para agendar a implantação ou em O para impedi-la. A opção padrão é I. Se você escolher O, nenhuma outra opção precisará ser configurada.
  • Ao lado de Cronograma de implantação, clique em Agora ou em Mais tarde. A opção padrão é Agora.
  • Se você clicar em Mais tarde, clique no ícone de calendário e selecione a data e a hora da implantação.
  • Ao lado de Condição de implantação, clique em Em cada conexão ou em Somente quando a implantação anterior tiver falhado. A opção padrão é Em cada conexão.
  • Ao lado de Implantar para conexões permanentes, clique em I ou O. A opção padrão é O.

Observação:

  • Essa opção se aplicará quando você tiver configurado a chave de implantação em segundo plano do cronograma em Configurações > Propriedades do servidor. A opção sempre conectada não está disponível para dispositivos iOS.
  • O cronograma de implantação que você configura é o mesmo para todas as plataformas. Todas as alterações feitas se aplicam a todas as plataformas, exceto Implantar para conexões permanentes, que não se aplica ao iOS.

16. Clique em Salvar.