Product Documentation

Políticas de dispositivo de proxy

Oct 06, 2016

Você pode adicionar uma política de dispositivo no XenMobile para especificar as configurações de proxy HTTP global dos dispositivos que executam o Windows Mobile/CE e o iOS 6.0 ou versões posteriores. Você pode implantar somente uma política de proxy HTTP global por dispositivo.

Observação: antes de implantar essa política, defina todos os dispositivos iOS para os quais você deseja atribuir um proxy HTTP global no modo Supervisionado. Para obter detalhes, consulte Para colocar um dispositivo iOS no modo Supervisionado usando o Apple Configurator.

1. No console XenMobile, clique em Configurar > Políticas de dispositivo. A página Políticas de dispositivo é exibida.

2. Clique em Adicionar. A caixa de diálogo Adicionar uma nova política é exibida.

3. Clique em Mais e, em Acesso à Rede, clique em Proxy. A página Política de Proxy é exibida.

localized image

4. No painel Informações sobre a política, insira as seguintes informações:

  • Nome da política: insira um nome descritivo para a política.
  • Descrição: opcionalmente, insira uma descrição para a política.

5. Clique em Avançar. A página Plataforma de política é exibida.

6. Em Plataformas, selecione as plataformas que você desejar adicionar. Se você estiver configurando somente para uma única plataforma, desmarque as outras.

Quando você terminar de definir as configurações de uma plataforma, consulte a Etapa 7 para saber como definir as regras de implantação dessa plataforma.

Definir as configurações do iOS

localized image

Defina estas configurações:

  • Configuração de proxy: clique em Manual ou Automática para selecionar como o proxy será configurado nos dispositivos dos usuários.
    • Se você clicar em Manual, defina as seguintes configurações:
      • Nome do host ou endereço IP do servidor proxy: digite o nome do host ou o endereço IP do servidor proxy. Este campo é obrigatório.
      • Porta do servidor proxy: digite o número da porta do servidor proxy. Este campo é obrigatório.
      • Nome de usuário: digite um nome do usuário opcional para autenticação no servidor proxy.
      • Senha: digite uma senha opcional para autenticar no servidor proxy.
    • Se você clicar em Automática, defina as seguintes configurações:
      • URL PAC do Proxy: digite a URL do arquivo PAC que define a configuração de proxy.
      • Permitir conexão direta se o PAC estiver inacessível: selecione se os usuários terão permissão para se conectarem diretamente com o destino se o arquivo PAC estiver inacessível. O padrão é I. Essa opção está disponível somente no iOS 7.0 e versões posteriores.
  • Permitir ignorar o proxy para acessar redes cativas: selecione se o proxy pode ser ignorado para o acesso a redes cativas. O padrão é O.
  • Configurações de política
    • Ao lado de Remover política, clique em Selecionar data ou Duração até remoção (em dias).
    • Se você clicar em Selecionar data, clique no calendário para selecionar a data específica para remoção.
    • Na lista Permitir que o usuário remova a política, clique em Sempre, Senha obrigatória ou Nunca.
    • Se você clicar em Senha obrigatória, ao lado de Senha de remoção de perfil, digite a senha necessária.

Definir as configurações do Windows Mobile/CE

localized image

Defina estas configurações:

  • Rede: na lista, clique no tipo de rede a ser usado. O padrão é Escritório interno. As opções possíveis são:
    • Escritório definido pelo usuário
    • Internet definida pelo usuário
    • Escritório interno
    • Internet integrada
  • Rede: na lista, clique no protocolo de conexão de rede a ser usado. O padrão é HTTP. As opções possíveis são:
    • HTTP
    • WAP
    • Socks 4
    • Socks 5
  • Nome do host ou endereço IP do servidor proxy: digite o nome do host ou o endereço IP do servidor proxy. Este campo é obrigatório.
  • Porta do servidor proxy: digite o número da porta do servidor proxy. Este campo é obrigatório. O padrão é 80.
  • Nome de usuário: digite um nome do usuário opcional para autenticação no servidor proxy.
  • Senha: digite uma senha opcional para autenticar no servidor proxy.
  • Nome de domínio: digite um nome de domínio opcional.
  • Ativar: selecione se o proxy deve ser ativado. O padrão é I.
7. Configure as regras de implantação

8. Clique em Avançar. A página de atribuição Política de Proxy é exibida.

localized image

9. Ao lado de Escolher grupos de entrega, digite para localizar um grupo de entrega ou selecione na lista um grupo ou grupos aos quais você deseja atribuir a política. Os grupos que você selecionar aparecerão na lista Grupos de entrega que receberão a atribuição de aplicativos à direita.

10. Expanda Cronograma de implantação e defina estas configurações:

  • Ao lado de Implantar, clique em I para agendar a implantação ou em O para impedi-la. A opção padrão é I. Se você escolher O, nenhuma outra opção precisará ser configurada.
  • Ao lado de Cronograma de implantação, clique em Agora ou em Mais tarde. A opção padrão é Agora.
  • Se você clicar em Mais tarde, clique no ícone de calendário e selecione a data e a hora da implantação.
  • Ao lado de Condição de implantação, clique em Em cada conexão ou em Somente quando a implantação anterior tiver falhado. A opção padrão é Em cada conexão.
  • Ao lado de Implantar para conexões permanentes, clique em I ou O. A opção padrão é O.

Observação:

  • Essa opção se aplicará quando você tiver configurado a chave de implantação em segundo plano do cronograma em Configurações > Propriedades do servidor. A opção sempre conectada não está disponível para dispositivos iOS.
  •  O cronograma de implantação que você configura é o mesmo para todas as plataformas. Todas as alterações feitas se aplicam a todas as plataformas, exceto Implantar para conexões permanentes, que não se aplica ao iOS.

11. Clique em Salvar.