Análise do site

O painel Monitor fornece um local centralizado para monitorar a integridade e o uso de um site.

Painel Monitor

Se não houver falhas no momento e não tiver ocorrido nenhuma falha nos últimos 60 minutos, os painéis permanecem recolhidos. Quando há falhas, o painel de falhas específico aparece automaticamente.

Painel Descrição
Falhas de conexão do usuário, em User Connection Failures Falhas de conexão nos últimos 60 minutos. Clique nas categorias ao lado do número total para exibir as métricas desse tipo de falha. Na tabela adjacente, esse número é dividido por grupos de entrega. As falhas de conexão incluem falhas causadas por atingir os limites dos aplicativos. Para obter mais informações sobre os limites de aplicativos, consulte Aplicativos.
Máquinas com SO de sessão única com falha, em Failed Single session OS Machines, ou máquinas com SO multissessão com falha, em Failed Multi-session OS Machines Total de falhas nos últimos 60 minutos divididos por grupos de entrega. Falhas divididas por tipos, incluindo falhas na inicialização em Failed to Start, bloqueios na inicialização, em Stuck on Boot, e cancelamentos de registro, em Unregistered. Para máquinas com SO multissessão, as falhas também incluem máquinas que atingem a carga máxima.
Sessões conectadas, em Sessions Connected Sessões conectadas em todos os grupos de entrega nos últimos 60 minutos.
Duração média de logon, em Average Logon Duration Dados de logon nos últimos 60 minutos. O número grande à esquerda é a duração média de logons durante o intervalo de hora. Os dados de logon de VDAs anteriores ao XenDesktop 7.0 não estão incluídos nessa média. Para obter mais informações, consulte Diagnosticar problemas de logon do usuário.

Nota:

Se nenhum ícone aparecer para uma métrica específica, isso indica que a métrica não é suportada pelo tipo de host que você está usando. Por exemplo, nenhuma informação de integridade está disponível para hosts do System Center Virtual Machine Manager (SCVMM), AWS e CloudStack.

Continue a corrigir os problemas usando estas opções (que estão documentadas abaixo):

Monitorar sessões

Se uma sessão for desconectada, ela permanece ativa e seus aplicativos continuam em execução, mas o dispositivo do usuário não se comunica mais com o servidor.

Ação Descrição
Ver a máquina ou sessão conectada de um usuário no momento Nas exibições Activity Manager e User Details, veja a máquina ou sessão conectada do usuário no momento e uma lista de todas as máquinas e sessões às quais o usuário tem acesso. Para acessar essa lista, clique no ícone do seletor de sessão na barra de título do usuário. Para obter mais informações, consulte Restaurar sessões.
Ver o número total de sessões conectadas em todos os grupos de entrega Em Dashboard, no painel Sessions Connected, veja o número total de sessões conectadas em todos os grupos de entrega nos últimos 60 minutos. Clique no número total grande, que abre a exibição Filters, onde você pode exibir dados gráficos da sessão baseados em grupos de entrega selecionados e intervalos e uso entre os grupos de entrega.
Encerrar sessões ociosas A exibição Sessions Filters mostra dados relacionados a todas as sessões ativas. Filtre as sessões por usuário associado, grupo de entrega, estado da sessão e tempo ocioso maior que um período de tempo limite. Na lista filtrada, selecione as sessões para logoff ou desconexão. Para obter mais informações, consulte Solucionar problemas de aplicativos.
Ver dados de um período mais longo Na exibição Trends, selecione a guia Sessions para ver dados de uso detalhados e mais específicos das sessões conectadas e desconectadas durante um período de tempo mais longo (ou seja, totais das sessões anteriores aos últimos 60 minutos). Para ver essas informações, clique em View historical trends.

Nota:

Se o dispositivo do usuário estiver executando um Virtual Delivery Agent (VDA) legado, como um VDA anterior à versão 7 ou um Linux VDA, o Monitor não consegue exibir as informações completas sobre a sessão. Em vez disso, ele exibe uma mensagem informando que as informações não estão disponíveis.

Limitação das regras de atribuição de área de trabalho: O console Manage permite a atribuição de várias regras de atribuição de área de trabalho (DAR) de diferentes usuários ou grupos de usuários para um único VDA no grupo de entrega. O StoreFront exibe a área de trabalho atribuída com o Nome de exibição correspondente de acordo com o DAR do usuário conectado. No entanto, o Monitor não oferece suporte a regras DAR e exibe a área de trabalho atribuída usando o nome do grupo de entrega, independentemente do usuário conectado. Como resultado, você não pode mapear uma área de trabalho específica a uma máquina no Monitor. Você pode mapear a área de trabalho atribuída exibida no StoreFront para o nome do grupo de entrega exibido no Monitor usando o seguinte comando do PowerShell. Execute o comando do PowerShell usando o SDK do PowerShell remoto, conforme descrito no blog.

Get-BrokerDesktopGroup | Where-Object { $\_.Uid -eq (Get-BrokerAssignmentPolicyRule | Where-Object { $\_.PublishedName -eq "\<Name on StoreFront\>" }).DesktopGroupUid } | Select-Object -Property Name, Uid

Desativar a visibilidade de aplicativos em execução no Activity Manager

Por padrão, o Activity Manager exibe uma lista de todos os aplicativos em execução para a sessão de um usuário. Essas informações podem ser visualizadas por todos os administradores que têm acesso ao recurso Activity Manager. Para funções de administrador delegado, inclui administrador completo, administrador de grupo de entrega e administrador de assistência técnica.

Para proteger a privacidade dos usuários e os aplicativos que estão executando, você pode desativar a guia Applications para listar aplicativos em execução. Para isso, no VDA, modifique a chave de registro em HKEY_LOCAL_MACHINE\Software\Citrix\Director\TaskManagerDataDisplayed. Por padrão, a chave é definida como 1. Altere o valor para 0, o que significa que as informações não são coletadas do VDA e, portanto, não são exibidas no Activity Manager.

Aviso:

Editar o registro incorretamente pode causar sérios problemas que podem exigir que você reinstale seu sistema operacional. A Citrix não pode garantir que os problemas resultantes do uso incorreto do Editor do Registro possam ser resolvidos. Use o Editor do Registro por sua conta e risco. Tenha o cuidado de fazer backup do registro antes de editá-lo.

Protocolo de transporte de sessão

Veja o protocolo de transporte em uso para o tipo de conexão HDX da sessão atual no painel Session Details. Essas informações estão disponíveis para sessões iniciadas em VDAs versão 7.13 ou posteriores.

Protocolo de transporte

Use o menu suspenso Session Control, no painel Session Details, para fazer logoff ou desconectar uma sessão.

  • Para o tipo de conexão HDX:
    • O protocolo é exibido como UDP, se EDT for usado para a conexão HDX.
    • O protocolo é exibido como TCP, se TCP for usado para a conexão HDX.
  • Para o tipo de conexão RDP, o protocolo é exibido como n/a.

Quando o transporte adaptativo é configurado, o protocolo de transporte de sessão se alterna dinamicamente entre EDT (por UDP) e TCP com base nas condições da rede. Se a sessão HDX não puder ser estabelecida usando EDT, ocorre o fallback para o protocolo TCP.

Para obter mais informações sobre a configuração de transporte adaptativo, consulte Transporte adaptativo.

Exportar relatórios

Você pode exportar dados de tendências para gerar relatórios regulares de gerenciamento de capacidade e uso. A exportação oferece suporte aos formatos de relatório PDF, Excel e CSV. Relatórios nos formatos PDF e Excel contêm tendências representadas como gráficos e tabelas. Os relatórios em formato CSV contêm dados tabulares que podem ser processados para gerar exibições ou para arquivamento.

Para exportar um relatório:

  1. Vá para a guia Trends.
  2. Defina os critérios de filtro e o período de tempo e clique em Apply. A tabela e o gráfico de tendências são preenchidos com os dados.
  3. Clique em Export e insira o nome e o formato do relatório.

O Monitor gera o relatório com base nos critérios de filtro selecionados. Se você alterar os critérios de filtro, clique em Apply antes de clicar em Export.

Nota:

A exportação de uma grande quantidade de dados causa um aumento significativo no consumo de memória e CPU no servidor Monitor, no Delivery Controller e em SQL Servers. O número suportado de operações de exportação simultâneas e a quantidade de dados que podem ser exportados são definidos a limites padrão para alcançar o desempenho de exportação ideal.

Limites de exportação suportados

Os relatórios PDF e Excel exportados contêm gráficos completos dos critérios de filtro selecionados. No entanto, os dados tabulares em todos os formatos de relatório são truncados se ultrapassam os limites padrão de número de linhas ou registros na tabela. O número padrão de registros suportados é definido com base no formato do relatório.

Formato do relatório Número padrão de registros suportados
PDF 500
Excel 100.000
CSV 100.000 (10.000.000 na guia Sessions)

Tratamento de erros

Erros que você pode encontrar durante uma operação de exportação:

  • Director has timed out: esse erro pode ocorrer devido a problemas de rede ou alto uso de recursos do servidor do Director ou Monitor Service.

  • Monitor has timed out: esse erro pode ocorrer devido a problemas de rede ou alto uso de recursos do Monitor Service ou SQL Server.

  • Max concurrent Export or Preview operations ongoing: apenas uma instância de Export ou Preview pode ser executada em um momento específico. Se você receber o erro Max concurrent Export or Preview operations ongoing, tente refazer a operação seguinte mais tarde.

Monitorar hotfixes

Para ver os hotfixes instalados no VDA de uma máquina específica (física ou VM), escolha a exibição Machine Details.

Controlar estados de energia da máquina do usuário

Para controlar o estado das máquinas selecionadas no Monitor, use as opções de controle de energia. Essas opções estão disponíveis para máquinas com SO de sessão única, mas podem não estar disponíveis para máquinas com SO multissessão.

Nota:

Essa funcionalidade não está disponível para máquinas físicas ou máquinas que usam o Remote PC Access.

Comando Função
Restart Executa o desligamento ordenado (suave) da máquina virtual, e todos os processos em execução são interrompidos individualmente antes de reiniciar a máquina virtual. Por exemplo, selecione máquinas que aparecem no Monitor com o erro “failed to start” e use esse comando para reiniciá-las.
Force Restart Reinicia a máquina virtual sem executar nenhum procedimento de desligamento primeiro. Esse comando funciona da mesma forma que desconectar o cabo de um servidor físico, reconectá-lo em seguida e ligar o servidor novamente.
Shut Down Executa o desligamento ordenado (suave) da máquina virtual. Todos os processos em execução são interrompidos individualmente.
Force Shutdown Desliga a máquina virtual sem executar nenhum procedimento de desligamento primeiro. Esse comando funciona da mesma forma que desconectar o cabo de um servidor físico. Porém, nem sempre os processos em execução são encerrados e você corre o risco de perder dados se encerrar uma máquina virtual dessa maneira.
Suspend Suspende uma máquina virtual em execução em seu estado atual e armazena o estado em um arquivo no repositório de armazenamento padrão. Essa opção permite que você desligue o servidor host da máquina virtual e, posteriormente, após reinicializá-lo, retome a máquina virtual, retornando-a ao seu estado de execução original.
Resume Retoma uma máquina virtual suspensa e restaura seu estado de execução original.
Start Inicia uma máquina virtual quando ela está desligada (também chamada de inicialização a frio).

Se as ações de controle de energia falharem, passe o mouse sobre o alerta e uma mensagem pop-up aparece com detalhes sobre a falha.

Prevenir conexões a máquinas

Use o modo de manutenção para evitar novas conexões temporariamente enquanto o administrador apropriado executa tarefas de manutenção na imagem.

Quando você ativa o modo de manutenção em máquinas, nenhuma nova conexão é permitida até você desativá-lo. Se os usuários estiverem conectados no momento, o modo de manutenção entrará em vigor assim que todos os usuários estiverem desconectados. Para usuários que não fizerem logoff, envie uma mensagem informando que as máquinas serão desligadas em um determinado momento e use os controles de energia para forçar as máquinas a desligarem.

  1. Selecione a máquina, como, por exemplo, na exibição User Details, ou um grupo de máquinas na exibição Filters.
  2. Selecione Maintenance Mode e ative a opção.

Se um usuário tentar se conectar a uma área de trabalho atribuída enquanto estiver no modo de manutenção, será exibida uma mensagem indicando que a área de trabalho não está disponível no momento. Nenhuma nova conexão pode ser feita até que você desative o modo de manutenção.

Análise de aplicativos

A guia Applications exibe análises baseadas em aplicativos em uma única exibição consolidada para ajudar a analisar e gerenciar o desempenho dos aplicativos com eficiência. Você pode obter informações valiosas sobre a integridade e uso de todos os aplicativos publicados no site. Ela mostra métricas, tais como, os resultados de investigações, o número de instâncias por aplicativo e falhas e erros associados aos aplicativos publicados. Para obter mais informações, consulte a seção Análise de aplicativos em Solucionar problemas de aplicativos.

Análise do site