Product Documentation

Ajuste das operações do XenMobile

O desempenho e a estabilidade das operações do XenMobile envolvem muitas configurações no XenMobile e dependem da configuração do banco de dados do NetScaler e do SQL Server. Este artigo enfoca nas configurações mais frequentemente definidas pelos administradores, relacionadas ao ajuste e à otimização do XenMobile. A Citrix recomenda que você avalie cada uma das configurações deste artigo antes de implantar o XenMobile.

Importante:

Essas diretrizes pressupõem que a CPU e a RAM do XenMobile Server são adequadas para o número de dispositivos. Para obter mais informações sobre escalabilidade, consulte Escalabilidade e desempenho.

As seguintes propriedades do servidor se aplicam globalmente a operações, usuários e dispositivos a uma instância inteira do XenMobile. A alteração em algumas propriedades do servidor requer uma reinicialização de cada nó do XenMobile Sever. O XenMobile avisa quando uma reinicialização é necessária.

Essas diretrizes de ajuste se aplicam a ambientes em cluster e não-cluster.

hibernate.c3p0.idle_test_period

Essa propriedade do XenMobile Server, uma chave personalizada, determina o tempo ocioso em segundos antes de uma conexão ser validada automaticamente. Configure a chave da seguinte maneira. O padrão é 30.

  • Chave: chave personalizada
  • Chave: hibernate.c3p0. idle_test_period
  • Valor: 30
  • Nome de exibição: hibernate.c3p0. idle_test_period
  • Descrição: período de teste de inatividade de hibernação

hibernate.c3p0.max_size

Essa chave personalizada determina o número máximo de conexões que o XenMobile pode abrir no banco de dados do SQL Server. O XenMobile usa o valor especificado para esta chave personalizada como um limite superior. As conexões abrem somente se você precisar delas. Baseie suas configurações na capacidade do seu servidor de banco de dados.

Observe a seguinte equação em uma configuração em cluster. Sua conexão c3p0 multiplicada pelo número de nós é igual ao número máximo real de conexões que o XenMobile pode abrir para o banco de dados do SQL Server.

Na configuração em cluster e não-cluster, definir um valor muito alto com um SQL Server subdimensionado pode causar problemas de recursos no lado do SQL durante o pico de carga. Configurar um valor muito baixo poderá afetar o bom-aproveitamento dos recursos SQL disponíveis.

Configure a chave da seguinte maneira. O padrão é 1000.

  • Chave: hibernate.c3p0.max_size
  • Valor: 1000
  • Nome de exibição: hibernate.c3p0.max_size
  • Descrição: conexões de banco de dados com o SQL

hibernate.c3p0.min_size

Essa chave personalizada determina o número mínimo de conexões que o XenMobile abre no banco de dados do SQL Server. Configure a chave da seguinte maneira. O padrão é 100.

  • Chave: hibernate.c3p0.min_size
  • Valor: 100
  • Nome de exibição: hibernate.c3p0.min_size
  • Descrição: conexões de banco de dados com o SQL

hibernate.c3p0.timeout

Essa chave personalizada determina o tempo limite de ociosidade. Se você usar o failover de cluster do banco de dados, a Citrix recomenda que você adicione essa chave personalizada e defina-a para reduzir o tempo limite de inatividade. O padrão é 120.

  • Chave: chave personalizada
  • Chave: hibernate.c3p0.timeout
  • Valor: 120
  • Nome de exibição: hibernate.c3p0.timeout
  • Descrição: tempo limite de inatividade do banco de dados

Intervalo de pulsação de serviços push

Esta configuração determina com que frequência um dispositivo iOS verifica se uma notificação de APNs não foi entregue nesse ínterim. Aumentar a freqüência de pulsação dos APNs pode otimizar as comunicações do banco de dados. Um valor muito grande pode adicionar carga desnecessária. Essa configuração se aplica apenas ao iOS. O padrão é 20 horas.

Se você tiver vários dispositivos iOS em seu ambiente, o intervalo de pulsação pode levar a uma carga maior do que a necessária. As ações de segurança, como apagamento seletivo, bloqueio e apagamento completo, não dependem dessa pulsação. O motivo é que uma notificação de APNs é enviada ao dispositivo quando essas ações são executadas. Esse valor determina a rapidez com que uma política é atualizada depois que a associação ao Grupo do Active Directory é alterada. Como tal, muitas vezes é adequado aumentar esse valor para algo entre 12 e 20 horas para reduzir a carga.

Tamanho do pool de conexões APNS de iOS MDM

Um pool de conexões APNs muito pequeno pode afetar negativamente o desempenho das atividades de APNs quando você tem mais de 100 dispositivos. Os problemas de desempenho incluem a implantação mais lenta de aplicativos e políticas em dispositivos e o registro mais lento de dispositivos. A configuração recomendada é 10 ou até o número máximo de servidores APNs para sua localização geográfica. O padrão é 10.

auth.ldap.connect.timeout

Para compensar lentas respostas LDAP, a Citrix recomenda que você adicione as propriedades do servidor para as seguintes chaves personalizadas.

  • Chave: chave personalizada
  • Chave: auth.ldap.connect.timeout
  • Valor: 60000
  • Nome de exibição: auth.ldap.connect.timeout
  • Descrição: tempo limite da conexão LDAP

auth.ldap.read.timeout

Para compensar lentas respostas LDAP, a Citrix recomenda que você adicione as propriedades do servidor para as seguintes chaves personalizadas.

  • Chave: chave personalizada
  • Chave: auth.ldap.read.timeout
  • Valor: 60000
  • Nome de exibição: auth.ldap.read.timeout
  • Descrição: tempo limite de leitura do LDAP

Outras otimizações de servidores

     
Propriedade do servidor Configuração padrão Por que mudar essa configuração?
Implementação em segundo plano 1.440 minutos A frequência de implantações de políticas em segundo plano, em minutos. Aplica-se apenas a conexões permanentes de dispositivos Android. Aumentar a frequência de implantações de políticas reduz a carga do servidor. A configuração recomendada é 1440 (24 horas).
Inventário de hardware em segundo plano 1.440 minutos A frequência do inventário de hardware em segundo plano, em minutos. Aplica-se apenas a conexões permanentes de dispositivos Android. Aumentar a frequência do inventário de hardware reduz a carga do servidor. A configuração recomendada é 1440 (24 horas).
Intervalo para verificação de usuário do Active Directory excluído 15 minutos O tempo de sincronização padrão do Active Directory é de 15 minutos. O valor 0 impede que o XenMobile verifique usuários do Active Directory excluídos. A configuração recomendada é de 15 minutos.
MaxNumberOfWorker 3 O número de threads utilizados ao importar um várias licenças VPP. O padrão é 3. Se precisar de mais otimização, você pode aumentar o número de threads. No entanto, lembre-se de que com um número maior de threads, como 6, uma importação VPP resulta em uso de CPU alto.

Otimizar o Agendamento de Implantação para dispositivos Android

Você pode programar implantações para dispositivos Android usando as configurações do Google Firebase Cloud Messaging (FCM, anteriormente chamado Google Cloud Messaging).

A ativação do FCM para seu ambiente XenMobile permite notificações quase em tempo real a dispositivos Android, semelhante a de APNs a dispositivos iOS. Com o FCM configurado, quando o XenMobile precisa se conectar a um dispositivo para uma atualização de política, apagamento seletivo e assim por diante, o XenMobile Server envia uma mensagem de notificação ao servidor FCM para encaminhar a solicitação ao dispositivo cliente. Depois que o dispositivo recebe a notificação do FCM, o dispositivo se conecta de volta ao XenMobile para obter mais instruções. Lembre-se de que esse método depende de servidores de terceiros (Google) e, portanto, está sujeito a interrupções de serviço fora do controle de seu departamento de TI ou do Suporte Citrix.

Para obter informações sobre como se registrar no serviço FCM, consulte Configuração do XenMobile e do Firebase Cloud Messaging (FCM).

Se estiver usando o FCM para Android, esteja ciente das seguintes propriedades do XenMobile Server. As propriedades ainda usam o acrônimo anterior para o Google Cloud Messaging, GCM.

  • GCM API Key: a chave criada no Google Developers Console.
  • GCM Sender ID: o número do projeto no Google Developers Console.
  • GCM Registration ID TTL: o atraso, em dias, antes da renovação da ID de registro do FCM do dispositivo. O padrão é 10.
  • GCM Heartbeat Interval: o padrão é 6 horas.

Como verificar deadlocks em um banco de dados SQL e excluir dados históricos

Quando você vir deadlocks, execute a consulta a seguir para ver os deadlocks. Depois, um administrador de banco de dados ou a equipe do Microsoft SQL pode confirmar as informações.

Consulta SQL

SELECT

db.name DB_Service,

tl.request_session_id,

wt.blocking_session_id,

OBJECT_NAME(p.OBJECT_ID) BlockedObjectName,

tl.resource_type,

h1.TEXT AS RequestingText,

h2.TEXT AS BlockingTest,

tl.request_mode

FROM sys.dm_tran_locks AS tl

INNER JOIN sys.databases db ON db.database_id = tl.resource_database_id

INNER JOIN sys.dm_os_waiting_tasks AS wt ON tl.lock_owner_address = wt.resource_address

INNER JOIN sys.partitions AS p ON p.hobt_id = tl.resource_associated_entity_id

INNER JOIN sys.dm_exec_connections ec1 ON ec1.session_id = tl.request_session_id

INNER JOIN sys.dm_exec_connections ec2 ON ec2.session_id = wt.blocking_session_id

CROSS APPLY sys.dm_exec_sql_text(ec1.most_recent_sql_handle) AS h1

CROSS APPLY sys.dm_exec_sql_text(ec2.most_recent_sql_handle) AS h2

GO

Para limpar o banco de dados

Importante:

Faça backup do banco de dados antes de fazer alterações nas tabelas.

  1. Execute a consulta a seguir para verificar os dados históricos.

    select COUNT(\*) as total_record from dbo.EWDEPLOY_HISTO;
    select COUNT(\*) as total_record from dbo.EWSESS;
    select COUNT(*) as total_record from dbo.EWAUDIT;
    
  2. Exclua os dados das três tabelas anteriores.

    Nota:

    Você talvez não possa ver dados históricos em uma tabela. Em caso afirmativo, ignore a execução da consulta truncada dessa tabela específica.

    truncate TABLE dbo.EWDEPLOY_HISTO;
    truncate TABLE dbo.EWSESS;
    truncate TABLE dbo.EWAUDIT;
    
  3. Desbloquear as consultas SELECT que foram bloqueadas devido a deadlocks. Essa etapa cuida de mais deadlocks.

    ALTER DATABASE <database_name> SET       READ_COMMITTED_SNAPSHOT ON WITH ROLLBACK IMMEDIATE
    
  4. Por padrão, a limpeza do banco de dados é de sete dias para reter os dados de retenção de sessão e os dados de retenção de auditoria, o que é alto para muitos usuários. Altere o valor de limpeza para 1 ou 2 dias. Nas propriedades do servidor, faça a seguinte alteração:

    zdm.dbcleanup.sessionRetentionTimeInDays = 1 day
    zdm.dbcleanup.deployHistRetentionTimeInDays = 1 day
    zdm.dbcleanup.auditRetentionTimeInDays=1 day